terça-feira, 28 de fevereiro de 2012

Dia 28 de fevereiro - Agenda Mágica



Celebração na Pérsia da deusa da terra Zamyaz ou Zemyna, chamada de “o gênio da terra”.

Reverenciavam-se várias deusas da terra e dos grãos, em várias partes do mundo, como Ceres, Deméter, Gaia, Tellus Mater e A Mãe do Milho.

Prepare, você também, uma pequena oferenda para a Mãe Terra.
Coloque em um prato cevada ou trigo em grão e enfeite com folhas de louro e várias moedas.
Acenda uma vela verde ou marrom e um incenso de louro ou patchouli.
Acrescente algumas pedras ou um cristal, um pouco de terra vegetal e leve a oferenda a uma mata ou deixe-a sob uma árvore.
Medite um pouco a respeito de sua contribuição em favor da Terra, agradecendo à Mãe por seu sustento e por sua saúde, orando por todos aqueles que ainda não despertaram para a necessidade de zelar ou proteger a integridade de nosso planeta e do meio ambiente.

Celebração de Erzulie, a deusa haitiana do amor e da sexualidade.
Em seu aspecto benéfico, a deusa era a protetora dos namorados, porém, em seu aspecto escuro, ela promovia ciúmes, discórdias e vinganças.

Comemoração de Dione, antiga deusa pré-helênica, regente da sexualidade e da inspiração.
Com atributos semelhantes a Juno e Diana, Dione foi, posteriormente, transformada em uma Oceânide.

copiado de Teia de Thea

Para os gregos, isso começa com Gaia, a terra que nos sustenta e vai até Perséfone, o trigo de Deméter.
Entre as duas, se faz os Mistérios de Elêusis, e com elas vive o segredo da vida e da morte.
Desde o princípio dos tempos os seres humanos têm adorado um vasto panteão de Deusas Mães-Terra, invocando sua ajuda em tempos de necessidade e agradecendo os favores da abundância.

Cada civilização desenvolveu suas próprias Deusas, pois possuíam línguas e costumes diferentes, e habitavam os quatro cantos do mundo.

Como a nossa Deusa Papa existem a Mãe-Terra Pachamama, a Deusa grega Gaia e Deméter, a Deusa egípcia Ísis, a Deusa esquimó Sedna, as céltica Banba (Mãe-Terra), Cailleach (a velha sábia que rege o inverno), a Dama do Lago que guarda a mítica espada Excalibur do rei Arthur em Avalon, e muitas outras.

Mais de mil nomes denominam a Deusa Mãe-Terra de todos os tempos e de todas as culturas da humanidade.

Todas elas são veneradas como Deusas, mas amadas como Mães.





copiado de  Rosane Volpatto

Gratidão por estar visitando meu blog!! Volte sempre!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Doando as unidades que ainda possuo! - Ana Maria Braga mostra a que ela possui!!

pesquise aqui os assuntos que procura!!!

Quem sou eu

Minha foto

Sou alguém que se encanta pela vida no dia a dia, descobrindo sempre novas formas de agir, se melhorando e tentando melhorar o seu redor. Acreditando que a Luz está dentro de cada um e que ela deve iluminar sempre a caminhada. Tenho como intenção: fazer amigos, aperfeiçoar a vida, dedicar-me às boas obras, promover a verdade e reconhecer nos semelhantes meus irmãos de caminhada. Descobrindo sempre mais e mais de vários mundos: Mundos terapêuticos, ideais, sustentáveis, mágicos, de Paz...